Empreendedores

Laci Joana de Mendonça: das dificuldades ao empreendedorismo de sucesso

No “Quem É?” desta edição, contamos a história de uma mulher que, há anos, decidiu tentar a vida em Itapoá e, hoje, é proprietária de uma das empresas de materiais de construção que mais cresce no município. Estamos falando de Laci Joana de Mendonça, proprietária do Mendonça Materiais de Construção, e do seu amor por empreender em família.

Ana Beatriz Machado Pereira da Costa

30082017-laci

Com esforço, Laci Joana de Mendonça enfrentou as dificuldades e hoje é proprietária de uma das lojas de materiais de construção que mais cresce no município.

Natural do interior de Barra Velha-SC, Laci veio de uma família grande e simples. “Nós éramos quatorze irmãos e nossos pais eram pessoas humildes e batalhadoras”, fala. Tempos depois, em 1979, formou-se em Pedagogia e casou-se com Osmar de Mendonça. O casal residiu durante um tempo em Joinville-SC, onde trabalhava no setor administrativo de uma grande empresa, que estava com sérios problemas financeiros. Demitidos por corte de custos e preocupados com o futuro, pois Laci estava grávida de seu segundo filho, resolveram morar em Guaratuba-PR, onde abriram a empresa Mendonça Artefatos de Cimento Ltda.

Sem o mínimo de conhecimento na área, sem funcionários especializados para auxiliar na produção, com dois filhos pequenos e muitas dificuldades financeiras, tiveram que batalhar por dez anos para aprender e conquistar o mercado. Além disso, fizeram muitos amigos e, em 1988, nasceu o terceiro filho do casal.

Em 1993, com o intuito de realizar o sonho antigo de construir uma empresa no ramo de materiais de construção e criar os três filhos em um município menor e mais tranquilo, o casal optou por investir e morar na recém-emancipada Itapoá – município que já frequentavam desde 1984.

“Quando chegamos a Itapoá, abrimos uma pequena loja de artigos de praia, na Barra do Saí. Mas, as pessoas iam à nossa loja procurar por materiais de construção e, por isso, fomos direcionando nosso negócio para este segmento”, recorda Laci. Aos poucos, depois de muito trabalho em família, a pequena loja de artigos de praia tornou-se a primeira loja do Mendonça Materiais de Construção. Caminhando de acordo com a demanda do município dentro de um mercado próspero, a família abriu uma filial na Avenida André Rodrigues de Freitas, no bairro Itapema do Norte, depois, outra filial na Avenida Brasil, no bairro Itapoá e, por fim, uma quarta filial também na Avenida Brasil, próxima ao balneário Bamerindus. Em 2013, o Grupo Mendonça também criou uma usina de concreto, localizada na estrada José Alves, no bairro Itapoá.

30082017-WhatsApp Image 2017-08-28 at 15.00.39

Laci com os filhos André, Thiago e Osmar Júnior e o esposo Osmar de Mendonça.

Formada em Pedagogia, Laci realizou alguns cursos e, recentemente, formou-se em Gestão de Varejo. Seus filhos também fizeram carreira na área de administração e, hoje, seguem os passos dos pais nos negócios da família, cada qual com sua função. “É um trabalho árduo e cansativo, mas amo o que faço”, fala Laci, que tem a pretensão de, um dia, se desligar das empresas e deixa-las para os filhos.

Além do trabalho, ela também é apaixonada por viagens. “Adoro conhecer outros lugares e culturas. Mas, apesar de já ter viajado para diversos países e vivenciado culturas tão opostas à nossa, acredito que morar em Itapoá foi a melhor decisão de minha vida”, fala. Porém, mais que trabalho, viagens ou Itapoá, sua verdadeira paixão é a família: “seja no trabalho ou em um almoço de domingo, adoro estar na companhia do meu marido, filhos, noras e netos”.

30082017-WhatsApp Image 2017-08-28 at 14.55.18

Família reunida, uma das principais alegrias de Laci.

Em outubro deste ano, Laci completará 63 anos e afirma não ter problema algum com a idade. Ela também se diz satisfeita com tudo que construiu e conquistou. Para ela, o sucesso do Mendonça Materiais de Construção se deve à honestidade, à cumplicidade e à vontade de batalhar junto de toda a família e de seus funcionários. Em seus planos futuros, estão alguns sonhos, como conhecer a Grécia e viver por muitos anos para acompanhar o crescimento dos netos. Por fim, Laci conclui: “já batalhei e passei por muitas dificuldades nessa vida e, hoje, vejo que tudo valeu a pena, pois sou uma pessoa feliz e realizada com a profissão que escolhi, com a família que tenho, com as pessoas que me cercam e com o lugar onde moro”.

Categorias:Empreendedores, Quem é?

Marcado como:,