Itapoá ‘bombando’ nas redes

03022020-_MG_6797

 

Um click estonteante da praia de Itapoá (SC); uma informação em tempo real; aquela notícia diária sobre o clima, o trânsito nas rodovias ou a segurança; a divulgação e cobertura de um evento; um anúncio de imóveis ou uma indicação de um bom restaurante. Ele está online 24 horas e presta trabalhos para milhares de internautas diariamente. Ele é Júlio Penteriche, fotógrafo e responsável pelas mídias sociais dos jornais Tribuna de Itapoá e Itapoá Notícias, e o maior divulgador do município nas plataformas digitais.

Ana Beatriz Machado Pereira da Costa

 

_MG_5415

Nascido e criado em Londrina (PR), Júlio e sua família visitam Itapoá desde meados dos anos 80. Ele narra o dia em que a família conheceu o município litorâneo: “Estava uma tempestade e a única entrada para a cidade estava alagada. Para irmos do lugar onde é hoje o posto da Polícia Rodoviária Estadual de Coroados, em Guaratuba (PR), até a Rua 1710, em Itapoá, levamos em torno de seis horas. Por conta da precariedade das ruas e da condição do tempo, o carro andava e morria o tempo todo. Chegando à Rua 1710, onde mais tarde minha mãe construiria uma pousada, havia apenas uma moradora, que vivia à luz de velas, pois não havia energia elétrica”. Apesar dos contratempos daquele dia, a família Penteriche se apaixonou pelas belezas naturais e decidiu investir no local.
Júlio, que vivia em Londrina, onde tocava uma videolocadora, mudou-se para Itapoá, de fato, no ano 2000, para ajudar na pousada e a administrar os imóveis da família. “Sempre sonhei em ter uma vida mais simples e viver perto da praia, e Itapoá me oportunizou isso”, fala.
Durante seu primeiro ano em terras itapoaenses, atuou como guarda-vidas e trabalhou no conhecido Rancho da Tia Cida. No ano seguinte, ajudou a tocar o bar Kojak, na Barra do Saí – point de eventos e campeonatos de surf da época.
A partir de então, Júlio passou a se dedicar exclusivamente à locação de apartamentos e formou-se em Administração. Em busca de atrair turistas e veranistas para Itapoá, notava um recorrente problema: “Muitas pessoas nunca tinham sequer ouvido falar em Itapoá. E foi aí, na tentativa de conseguir inquilinos, que comecei a fotografar as belezas do município e postar na internet”.

_MG_4256

A cada paisagem, um flash
Naquele tempo, a rede social que atraía milhares de internautas era o Orkut – foi lá que Júlio Penteriche passou a divulgar a cidade litorânea ao Nordeste de Santa Catarina que poucos ouviam falar. “Comecei fotografando as praias de forma bem amadora, com um celular. Na época, as câmeras dos celulares não tinham a qualidade de hoje. Mas, ainda assim, as fotos tinham um bom alcance entre moradores, turistas e veranistas”, recorda.
Aos poucos, Júlio tornou a ficar conhecido pelos seus clicks. O Sol nascendo no mar, um dia de arco-íris, os pássaros sobrevoando a praia, um fim de tarde risonho, uma noite de Lua cheia – a natureza exuberante de Itapoá virou marca registrada de seus registros fotográficos.
O hábito de fotografar Itapoá e compartilhar os registros na internet virou rotina. Com um público fiel na internet, espectadores de diferentes regiões do Brasil passaram a ansiar pelas fotos de Itapoá. “Comecei a receber mensagens diariamente pedindo fotos do dia, de como estava o tempo, e até mensagens de pessoas relatando sua história de amor com Itapoá. Até os dias de hoje é assim”, conta Júlio.
Seja para matar a saudade daquela praia que marcou um momento especial, para apreciar a beleza da natureza ou para atrair novos visitantes a Itapoá, as fotos de Júlio Penteriche fizeram e ainda fazem história na internet.

03022020-_MG_6798

Itapoá nas redes
Com o avanço da tecnologia, as mídias sociais também evoluíram, dando espaço para o Facebook, onde Júlio criou, em 2012, a página “Praia de Itapoá SC” (facebook.com/praiadeitapoasc), com enfoque turístico. A página no Facebook, que tem por objetivo compartilhar clicks autorais e de colaboradores das paisagens de Itapoá, possui atualmente quase 80 mil curtidas e postagens de até um milhão de visualizações. Mais tarde, a “Praia de Itapoá” ganhou um perfil no Instagram (@praia_de_itapoa), que reúne atualmente quase 15 mil seguidores.
Em 2018, Júlio foi convidado pelo jornalista Thiago Gusso a integrar a equipe dos jornais Tribuna de Itapoá (digital) e Itapoá Notícias (impresso). Nos veículos, atua como fotógrafo, é responsável pelas mídias sociais e por captar informações no meio virtual. “Os jornais contribuíram muito para minha carreira em Itapoá, da mesma forma em que pude contribuir com meu conhecimento com o público e a fotografia. O Thiago é um grande profissional e amigo, é muito bom trabalhar ao seu lado”, comenta.
Além da “Praia de Itapoá SC”, Júlio Penteriche também é autor de outras páginas de sucesso no Facebook, como: “Itapoá Notícias” (facebook.com/jornalitapoanoticias) e “Tribuna de Itapoá” (facebook.com/tribunadeitapoa); “Itapoá Guia” (facebook.com/itapoaguia), criada para divulgar empresas e serviços da cidade; “Itapoá SC – Fotos e Vídeos” (facebook.com/itapoafotosevideos); “Conexão Itapoá” (facebook.com/conexaoitapoa), com informação geral de tudo o que acontece em Itapoá; e “Itapoá 24hrs” (facebook.com/itapoa24hrs), com notícias policiais de Itapoá e região. Somadas, as páginas administradas por Júlio Penteriche contabilizam mais de 145 mil internautas. Ainda, o fotógrafo presta serviço de gerenciamento de mídias sociais para empresas locais.
E o trabalho não para por aí! No WhatsApp, Júlio administra e alimenta cerca de 50 grupos – grupos para informar e divulgar reportagens dos jornais; grupos de classificados, voltados a locações e divulgações de imóveis na região; grupos de plantão para a temporada, a fim de informar sobre o trânsito nas rodovias; grupos para trocar notícias instantâneas e informações policiais; grupos de bate-papo e troca de fotos e vídeos, entre outros.
Sempre em combate contra as inverdades na internet, o trabalho de Júlio requer, antes de tudo, checar as fontes da notícia, para somente depois compartilhar aos internautas. Por isso, está em contato frequentemente com a Prefeitura Municipal de Itapoá, o Corpo de Bombeiros Militar de Itapoá, a Polícia Civil e Militar de Itapoá, o Pronto-atendimento 24 horas, etc. Em suas palavras, “conciliar isso tudo é uma doação diária e uma responsabilidade muito grande, mas vale a pena pelo carinho que sinto por este lugar”.

WhatsApp Image 2020-02-03 at 08.24.13 (2)
Por amor
Todos os dias, a história se repete: Júlio acorda antes dos primeiros raios de Sol, prepara seu equipamento e caminha até a praia, em busca do click perfeito. Em seguida, checa grupo por grupo, página por página. Posta, responde, anuncia, produz, edita e divulga.
Autodidata, através de tutoriais na internet, Júlio vem aprimorando seu trabalho e ganhando intimidade com seu equipamento. “Minhas fotos não são profissionais, meu equipamento não é profissional e nunca fiz curso de Fotografia. No entanto, minhas fotos sensibilizam, tocam, encantam e atraem e, a mim, é isso que importa: entregar um trabalho com propósito”, fala. Não raramente Júlio recebe relatos de pessoas que conheceram Itapoá através de suas fotos, e hoje vivem e investem na cidade.
Volta e meia, algum internauta vai até ele para agradecer pessoalmente a pessoa que está por trás daqueles belos registros fotográficos que mudaram sua vida. Por fim, Júlio Penteriche conclui: “Amo o que faço. Essa praia é minha paixão. Sou honrado em fazer parte do crescimento e da história desse município. Desejo que a cidade cresça e se desenvolva com consciência, e que as pessoas sintam cada vez mais orgulho ao dizer ‘eu amo Itapoá’”.